Afinal, por que eu preciso de uma Personal Organizer?

Parece estranho, mas como profissional atuante dessa área há mais de cinco anos, percebo que algumas pessoas que contratam nossos trabalhos aproveitam o resultado com mais eficácia quando conhecem a real importância de ter a casa organizada. O entendimento é a base da manutenção.

Se você for uma profissional qualificada, com certeza fará o seu cliente entender o motivo do seu trabalho e ele irá manter, mas se for feita a organização, mesmo com todos os critérios necessários, sem a orientação e o entendimento de quem vai usar… pode ser um trabalho com prazo de validade.

Nós trabalhamos para que o trabalho seja mantido por quem nos contratou. Pelo menos essa é a minha linha de trabalho e das profissionais com quem me relaciono, por isso nosso projetos tem investimentos considerados altos, por que será feito apenas uma vez, é uma solução de organização baseada em métodos e observação de hábitos e rotinas familiares e não uma arrumação que precisa regularmente da presença de quem fez.

Sendo assim a minha proposta é que mesmo que você não queira trabalhar e nem queira você mesmo fazer a organização na sua casa, procure entender os benefícios do que está contratando, e saber alinhar sua expectativa com a profissional que vai escolher para fazer esse trabalho tão importante que tem por finalidade resolver várias questões que envolvem economia e saúde.

Eu posso te ajudar de várias formas, me procure!! 😉

Comentários

comentários

Vamos fazer de 2017 um ano inesquecível?

Sempre na virada de um ano para outro temos fé que tudo pode mudar para melhor, e pode mesmo, basta nos prepararmos pensarmos em viabilizar nossos sonhos. Parece difícil mas não é pode acreditar, como Personal Organizer vou dar umas dicas que aprendi com esse trabalho e no caminhar dos meus 52 anos:

1- Entenda se o sonho que pretende realizar é seu ou de outras pessoas, está relacionado ao que você quer ser ou é para agradar aos outros?

2- É o seu sonho! Então divida ele um pequenos pedaços, como tijolos para construir uma casa, nada se constrói em um passe de mágica é preciso posicionar tijolo por tijolo, assim ficará pronta em algum momento.

3- Tenha metas tangíveis, criar metas inatingíveis frustra, então alcance uma meta e vá avançando na próxima como num jogo de tabuleiros, vá avançando e rolando os dados, as vezes é importante voltar algumas casas, mas logo o dado vira no 6 e lá vai você avançando.

4 – Escreva e acompanhe suas metas, não adianta escrever e deixar no fundo da gaveta, olhe para elas, de preferência todos os dias, e crie os planos de ação.

Assim tudo vai acontecendo e não vai precisar nem do final do ano para seu sonho começar a se realizar. Experimente!!

Não existe sonho impossível, o seu plano é que precisa ser bem estruturado e acompanhado se necessário diariamente.

Bem, não conseguimos nada sozinhos então gostaria de poder compartilhar com vocês o meu agradecimento desse ano, e quem sabe faremos parte dos agradecimentos um do outro no ano que vem?

Obrigada por fazer parte da construção do meu sonho!! Feliz 2017!!

Ivana Portella & Equipe #seja

Clique na imagem e assista, é rapidinho!!

2017

 

Comentários

comentários

Como anda sua postura?

Tenho visto tantas pessoas reclamando de pouco trabalho e de  clientes não fechando projetos, mas também vejo atitudes que, eu como cliente, não  contrataria o serviço.

Veja o vídeo que fiz falando sobre isso e veja se tenho razão.

Comentários

comentários

Desejo, necessidade ou vontade?

 

Hoje ouvi a música “Comida” do Titãs e prestando atenção principalmente nessas palavras,“desejo, necessidade, vontade” me veio esse questionamento:

Qual a diferença entre  desejo, necessidade e vontade?

Você tem fome de que?

Imediatamente pensei no meu trabalho de Personal Organizer e conclui que esses sentimentos são o que nos dão a direção, entender o que é desejo, necessidade e vontade, qual deles nos faz consumir e guardar coisas, e se analisarmos vamos perceber que as coisas se dividem mesmo nessas categorias.

Entendi assim, desejo é o que me faz acordar todos os dias, é o sonho, a meta de consumo, por exemplo: eu trabalho para viajar pelo mundo, o meu desejo é ter condições financeiras que me permita viajar confortavelmente duas vezes por ano. Já a necessidade é o que possibilita conseguir realizar o meu desejo, preciso me fortalecer física e culturalmente, para isso preciso consumir de forma adequada e inteligente para transformar o meu desejo em realidade.  A vontade é o que vai tentar de desviar desse caminho de realizar o desejo, um exemplo: já está tudo certo pra sua viagem, e você está economizando tudo para gastar lá, de repente vem aquela vontade de comprar um sapato que nem cabe mais no seu armário. Então quanto à vontade: ah isso é coisa que dá e passa!!

E você, como definiria? Já parou pra pensar?


Comentários

comentários

Como conseguir clientes?

Essa é a pergunta que todos fazem quando escolhem uma profissão. Impasse…

Vamos entender pra que queremos clientes? Parece óbvio: para ganhar dinheiro. Sim, é o objetivo de todo profissional. Mas porque apesar de ter se formado nas melhores escolas algumas pessoas não conseguem clientes? Por que provavelmente colocou o ganho como a primeira intenção quando deveria ser o fim. Vou explicar melhor!

Pra começar devemos escolher primeiro o que fazemos de melhor para depois pensarmos em ganhar dinheiro com a nossa escolha e não o contrário, desde criança já somos cobrados, quem nunca ouviu essa pergunta?

— O que você vai ser quando crescer? Todos esperam como resposta as profissões mais nobres aos olhos da sociedade, como médico, engenheiro, advogado e coisas do gênero, nunca levando em consideração a vocação ou o perfil da pessoa. Existem pessoas que nascem com aptidão para cozinheiro (hoje já é uma profissão considerada nobre), motorista, garçom, dona de casa e etc.

Onde quero chegar com esse assunto, o caminho para atingir os objetivos muitas vezes são invertidos, para ter clientes e conseguir ganhar dinheiro, o caminho não é ver o que está em alta no mercado profissional e sim o que você sabe fazer, se especializar na sua verdadeira vocação, e não na imposta, e ai sim, pode ter certeza que os clientes virão e com eles o dinheiro.

Aí mais uma vez você vai perguntar: Ah tá!! Minha vocação é ser dona de casa, como vou ganhar dinheiro como dona de casa? Pois bem, já pensou em quantas pessoas precisam trabalhar fora das suas casas e não tem quem cuide dela como gostaria que fosse cuidada? Então, só uma boa dona de casa pode treinar empregados domésticos, criar esquemas de rotinas para um bom funcionamento de uma casa, listas de compras econômicas para cada situação…

O exemplo da dona de casa está muito relacionado ao nosso trabalho de Personal Organizer, muitas de nós tem essa vocação e não sabia o que fazer com ela, algumas de nós escolheu essa profissão por outros motivos como uma capacidade lógica muito grande aliada a um bom olhar para decoração, dentre outras muitas capacidades, mas com certeza temos em comum uma enorme vontade de ver o bem estar alheio e amamos o bom funcionamento doméstico.

Sempre existe alguém precisando usufruir do seu talento ou aprender com ele, não importa qual seja. Cada dia mais o mundo precisa do personalizado, do único, queremos ser vistos e tratados de forma humanizada, já convivemos com máquinas demais.

Sendo assim, entenda primeiro qual é o seu talento, invista nele e assim você terá certeza que seu trabalho será muito bem feito e isso não deixará dúvida quando apresentá-lo a alguém. Viu!!! Assim que se consegue cliente!! 😉

Comentários

comentários

03/10 Dia do Personal Organizer

Já temos uma data para celebrar, temos associações nacional e internacional, mas ainda precisamos fazer com que mais e mais pessoas entendam o que é o nosso trabalho, poucas sabem. Vou tentar explicar sob nosso ponto de vista.

Personal Organizer é um termos em inglês de uma profissão que surgiu nos EUA, o trabalho é muito mais do que encontrar lugares perfeitos para cada coisa, é muito mais do que entender como dar funcionalidade, economia e praticidade, esse trabalho que escolhi fazer tem o objetivo de melhorar a vida das pessoas, mudando seus hábitos de consumo e utilização do que possui e com isso fazer que suas vidas fique mais leve.  Assim é como fazemos, imagino que tenham outros profissionais com outros objetivos, e cada cliente escolherá alinhado com os seu.

Como qualquer profissão, mal comparando, tem médicos que cuidam da causa das doenças e tem os que cuidem das consequências, todos são necessários, depende da intenção de quem se consulta. Nós somos o tipo de profissional que cuida da causa, é como sei fazer, tem os que cuidam da consequência e chegam no mesmo resultado é só uma questão de tática e empatia.

Mas o mais importante disso é que o maior número de pessoas possível entendam a importância de ter a vida organizada, que está relacionado a saúde física, mental e financeira. Entender também que ter o controle dos seus pertences faz com que esse controle se volte pra dentro, passamos a ter mais controle das suas ações e sentimentos.

Bem, só com essas vantagens eu já estaria convencida, ser mais leve e ter a vida sob controle.

E você? O que acha de ter esses benefícios?

E já pensou em ser Personal Organizer? Então pense!!!

Comentários

comentários

Orgulho de ser quem você é

Uma das coisas que sempre diferencia um profissional do outro ou até mesmo um ser humano do outro é o orgulho de ser quem é, de entender as suas aptidões e fazer com elas o seu melhor, não importa se sua aptidão é para ser diplomata ou pipoqueiro, com certeza o melhor e mais feliz é o que faz com orgulho o que sabe fazer.

orgulho2

Sempre falo em cursos e nos treinamentos de empregadas sobre postura, e não tenho a menor dúvida que orgulho e boa postura andam de mãos dadas. É preciso entender a diferença que o seu trabalho faz na vida das pessoas, e pode acreditar, todo trabalho faz diferença quando é feito com orgulho, não importa o que seja, e é preciso que saia do fundo do seu coração e não da cabeça. Não se escolhe a vocação pelo que dá mais dinheiro, pode ter certeza que o ganho financeiro será consequência da escolha do que se faz bem, existem profissionais de segmentos ditos “nobres”, que são formados nas melhores escolas do mundo e não conseguem decolar financeiramente, e outros sem muito acesso à boas informações que se destacam, ai está a diferença dos que escolheram com a razão e não pela sua verdadeira vocação, isso serve para qualquer profissão, pois todas são importantes.

 

Atentem para o detalhe de que não estou falando de felicidade, em qualquer coisa que se escolha fazer existe estudo, prática e desgaste físico e mental, e tem horas que dá vontade de desistir, não existe nada que se faça na vida que seja só felicidade o tempo todo, para um momento de felicidade tem dias, meses, anos de “ralação” por trás. Venderam essa ideia de que devemos fazer o que nos faz feliz e que isso significa estar feliz o tempo todo, nada é assim na vida, mas isso é outro texto, não que não tenha a ver com esse, mas seria informação demais.

Sendo assim, se o que você procura é fazer alguma coisa que te deixe feliz, procure entender o que realmente faz com prazer. O exemplo que mais gosto e me emociona é o juramento da escola de mordomos de Londres, que como nós Personal Organizers trabalham nos lares onde as famílias se formam e se abrigam, chama: A Arte de Servir:

“Por minha conduta profissional e através da minha energia, paixão e compromisso, eu juro encarar os mais elevados padrões de serviço com lealdade, confiança, discrição e excelência. Eu exercerei e manterei a minha responsabilidade e integridade pessoal através do compromisso honesto com a minha vocação. Minha atitude é demostrada pelo meu comportamento. Meu comportamento demostra meu caráter. E meu caráter sempre será meu destino.”

A boa postura vem do orgulho de ser quem você é!!!

Comentários

comentários

Como elas conseguem saber de tudo?

Comecei a dar mais valor à minha mãe depois que fui uma, mas estou aqui hoje para tentar ajudar a todos a aprender a valorizar o mais cedo possível. Então vou dar dez sugestões para deixar uma mãe feliz:

mãe curso

1 – Aceite suas dicas, mesmo que já saiba ou tenha dúvidas quanto ao resultado, ela sabe, não duvide, ela sabe;

2 – Não espere um motivo ou uma data especial para dizer que a admira e ama. mães adoram declarações fora de hora;

3 – Dê colo pra sua mãe, ela é uma pessoa como qualquer outra que fica carente e triste, mãe também sofre gente!!

4 – Ajude sua mãe mesmo que ela diga que não precisa, sempre precisa, mas ela quer fazer tudo pra não te incomodar, ai diz isso;

5 – Fique feliz quando ela falar coisas constrangedoras sobre sua infância pros seus amigos, provavelmente ela tem algum plano por trás disso, melhor não contrariar.

6 – Quando ela disser que alguém não é seu amigo, pode correr da pessoa, elas não erram NUNCA;

7 – Mesmo parecendo ruim o que elas fazem é pro seu bem, tem hora que o castigo parece exagero, mas é do tamanho certo, depois você vai entender;

8 – Ela tem salvo conduto pra fazer drama, deixe ela chorar nos comerciais de margarina e ter uma crise quando você leva cinco segundos pra responder o whatsapp, deixa ela;

9 – Leve o casaco e guarda-chuva quando ela mandar, não existe melhor serviço de meteorologia que mãe;

10 – Lembre-se sempre que veio dela o verdadeiro sentido de família e lar, então aceite seus convites para batizados e ligue no aniversário daquela tia chata quando ela te pedir, afinal nosso primeiro lar foi o ventre dela.

Brincadeiras e exageros à parte, cuide da sua mãe e passe o maior tempo que puder com ela, tenha a mesma paciência que ela teve quando você ficou dodói, na hora de fazer tarefas escolares, ou quando pediu pra repetir a história pela décima oitava vez.

Arrume tempo para ficar com sua mãe, não esqueça de colocá-la em suas prioridades, às vezes por termos tanta certeza do seu amor incondicional deixamos por último na nossa lista, quando deveria estar nos primeiros lugares.  

Comentários

comentários

10 dicas imbatíveis para aproveitar o fim de ano para arrumar a casa

O final do ano é um momento para refletirmos sobre tudo o que aconteceu durante os 12 meses que se passaram: o que foi bom e o que foi ruim, o que queremos levar para a nossa vida e o que acreditamos poder deixar para trás, o que queremos mudar ou deixar inalterado.

Fim de ano também é hora de arrumar a casa

Aproveite o espírito de renovação desta fase para rever e organizar o seu espaço

Fazemos isso com relacionamentos, angústias internas e, até mesmo, com a nossa vida profissional. Então, por que não fazer também com o que temos dentro de casa – nossas roupas, objetos, documentos e alimentos que deixamos estocados?

Conversamos com especialistas em organização para aprender a transformar nossa casa neste momento tão oportuno, quando mais um ciclo se encerra. “Isso vai servir para renovar a sua casa e a sua vida!”, avisa a personal organizer Ivana Portella, do Seja Personal Organizer.

1. Hora de rever o armário
“Está comprovado que roupas e sapatos que não foram usados por um ano não serão mais usados. Então, para quê ocupar espaço com o que não é necessário?”, questiona Priscila Saboia, personal organizer e sócia do Seja Personal Organizer. O ideal é experimentar as roupas e tirar o que você não usa ou o que não serve mais. Além disso, lembre-se das bolsas e sapatos. “Leve no sapateiro aqueles que precisam de reparos e doe os que estão velhinhos”, diz Juliana Faria, personal organizer da YRU Organizer.

2. Faça um bazar!
Que tal um bazar entre amigos para uma troca de roupas, móveis e objetos que são bons, mas não estão sendo utilizados? “Esse tipo de ação, além de exercitar o desapego, é supersustentável, pois quando simplesmente descartamos, corremos o risco de poluir o ambiente”, lembra Ivana.

3. Nada precisa ser consertado?
Muitos eletrônicos e eletrodomésticos acabam ficando encostados, pois não estão em pleno funcionamento. “Analise: o que você usa, pode guardar; o que está quebrado, conserte ou descarte”, comenta Juliana. Afinal, não faz sentido guardar o que não tem funcionalidade, certo?

4. Hora de arrumar a brinquedoteca
“O espírito natalino de fim de ano é excelente para tocar o coração das crianças, doando os brinquedos para quem não tem com o que brincar”, pontua Priscila Saboia. Que tal ajudar os filhos selecionando brinquedos que não vão usar mais e levando-os a um lugar em que eles possam entregar o brinquedo pessoalmente para outras crianças?

5. Mobília renovada
Nem sempre seus móveis estão no lugar certo ou adequados para o restante da casa. “Se eles estão atrapalhando o caminho, escolha outro cômodo para colocá-lo, mas caso não sejam mais úteis, doe ou venda”, reforça Juliana Faria. Se for o caso, também é possível dar uma repaginada na peça: troque o tecido ou lixe-a e pinte-a de uma cor diferente.

6. Documentação em dia
Com as férias chegando, é preciso se perguntar se identidade, passaportes e vistos estão válidos. Aproveite o fim do ano para rever e organizar documentos. “É muito frustrante, por exemplo, poucos dias antes de uma viagem descobrir que um documento importantíssimo está com data vencida ou próximo de vencer”, lembra Ivana Portella.

7. Coloque as louças na mesa
Sabe aquele conjunto de pratos lindo que você ganhou no casamento e só usa no Natal? Coloque-os em uso! “Não faça uma mesa bonita só para as visitas, você também merece”, defende a personal da YRU Organizer.

8. Atenção aos alimentos!
A geladeira, o freezer e os armários da cozinha não podem ser esquecidos. “Faça uma boa limpeza neles e aproveite para elaborar um check-list dos itens que estão guardados”, comenta Juliana. É preciso estar atenta às validades dos alimentos que armazenamos, deixando os que estão com a data próxima para serem consumidos primeiro.

9. Produtos de beleza também expiram
Não se esqueça de olhar a validade dos cosméticos e maquiagens. Quando vencidos, eles perdem a eficácia e podem até prejudicar a pele e a saúde de quem os utiliza. Por isso, jogue fora tudo o que não será mais utilizado e aproveite para fazer uma listinha do que precisa ser reposto.

10. Comece o ano com as contas em dia
Faça uma tabela com a data do pagamento de todas as suas contas. Quem tem intimidade com aplicativos no celular pode ter um alerta que avise sobre a conta um dia antes do prazo final para pagá-la.

Site Disney Babble 17/12/15

Comentários

comentários

10 dicas básicas de como fazer uma mudança sem enlouquecer (muito)

Existe um fenômeno que faz com que as pessoas queiram mudar de casa no final do ano. As imobiliárias e as empresas de mudança não nos deixam mentir. Como especialistas em organização de mudança, daremos algumas dicas para essas pessoas que estão nesse processo:

1 – Divida sua mudança em quatro partes: planejamento, desmontagem, transporte,  montagem

2 – Planejar nada mais é do que fazer um grande checklist de todos os passos. Para facilitar, faça um para a casa atual e outro para a nova. Na atual, pense em tudo o que deve ser desligado ou transferido; fique atento às datas. Na casa nova, veja se é necessário alguma reforma, se precisa de armário, confira as datas para instalações de energia, gás, telefone, banda larga, etc. E faça uma planta baixa, mesmo que rabiscada, com todas as medidas e local com portas e janelas. Essa medida ajuda a entender se o que você tem hoje vai caber no espaço. Por fim, pinte um cômodo de cada cor, depois explicamos o motivo.

3 – Procure saber das regras do condomínio, quais dias da semana e horários permitidos para mudança, larguras de portas, elevadores exclusivos, escadas largas e se alguma coisa precisará ser içada, pois nem toda transportadora tem esse serviço.

4 – Na desmontagem, lembre-se de, em primeiro lugar, fazer uma caixa que chamamos de “primeiro dia na casa nova”. Se sua família já vai para casa junto com a mudança, é importante colocar nesta caixa um kit de sobrevivência: alguns pratos, talheres, copos, toalhas de banho, papel higiênico, roupas de cama, um microondas e alguns brinquedos no caso de crianças. E ainda fazer uma mochila com coisas pessoais de cada um, uniformes, pijamas, itens de higiene, etc.

5 – Na hora da desmontagem, descarte aquilo que você e sua família não usam há mais de um ano ou aquelas coisas que estavam lá no fundo do armário e não eram vistas. Afinal, como sempre destacamos, se não era visto não era lembrado, o que não é lembrado não é usado. Então qual a serventia?  Fora o que não vai caber na casa nova ou o que já não está em bom estado.

6 – Na hora de colocar os objetos nas caixas, faça uma pequena lista do conteúdo e coloque uma etiqueta com a cor do cômodo correspondente que escolheu pintar na planta, lembra?

7 – A escolha da empresa de transporte é fundamental para sua tranquilidade. Observe o serviço oferecido de embalagem, que tipo de equipamento será usado para o transporte, como cases para aparelhos eletrônicos, além de cabideiros especiais para roupas. Fique atento ao seguro, qual é a seguradora e o que é assegurado. Não economize nesse item.

8 – Procure saber se o caminhão pode entrar no condomínio ou se, para ficar parado na rua, precisa de autorização da prefeitura.

9 – Coloque a cor correspondente (lembra?) no portal de cada cômodo e vá direcionando as caixas para os seus respectivos lugares. Isso ajuda muito a não ter que ficar andando com as coisas de lá pra cá, economizando muito tempo e trabalho.

10 – Agora é só escolher o melhor lugar para cada coisa e ser muito feliz na sua nova casa.

Achou complicado? Imagine sem fazer esse planejamento? Ainda assim está difícil? Contrate uma Personal Organizer e seja feliz!!! 

mudança2

Revista Move 26/11/15

Comentários

comentários

5 Dicas para organizar a vida depois de chegar de viagem

Depois de uma longa viagem, não há nada melhor do que a sensação de chegar em casa, poder dormir na sua cama, ligar o ar-condicionado e a televisão – ah, claro, e ter que fazer tudo o que você não tinha obrigação enquanto estava passeando.

Quando chegamos de viagem, não tem jeito: a melhor coisa é não procrastinar. Sério, compensa demais ver sua casa organizada já no dia seguinte à viagem. Dá uma paz…

Então vamos à pequena lista do que fazer assim que colocar os pés em casa:

1 – Desfaça imediatamente todas as malas. Tire logo a roupa que é para lavar e separe em prioridades 1 e 2, ou seja, o que deverá ser lavado imediatamente e o que poderá ficar pra depois.

2 – Deixe para guardar as roupas e o objetos no dia seguinte. Após guardar tudo, limpe as malas antes de guardá-las (isso economiza tempo na próxima vez que você for usar a mala e a mantém em bom estado).

3 – Combine com a faxineira para limpar a casa antes de você chegar (dois dias no máximo). Dá muita preguiça chegar de viagem e ter que pegar em vassoura, aspirador…

4 – Provavelmente a despensa estará vazia. Não perca tempo: aproveite o pique, vá ao supermercado e abasteça a casa.

5 – Resultado: menos de 24 horas depois de chegar de viagem, você estará  com tudo guardado, roupas quase todas lavadas e prontas para passar . E com água na boca para matar a saudade da comida brasileira, de preferência um bom feijão, arroz e ovo. Delicia!

5-dicas-para-organizar-a-vida-depois-de-chegar-de-viagem

Revista Move 12/11/15  5-dicas-para-organizar-a-vida-depois-de-chegar-de-viagem

Comentários

comentários

O efeito financeiro de dar um chega pra lá na bagunça

Ter as finanças em dia e equilibrá-las com uma boa qualidade de vida parece uma equação difícil, mas não é. Um dos caminhos para atingir esse objetivo passa pela organização da sua vida, sob todos os aspectos. Quem dá um chega pra lá na bagunça, em casa e no trabalho, tem mais tempo para ganhar dinheiro, gastá-lo da melhor maneira, cuidar da saúde, etc..

Nascer com o talento da organização é uma dádiva. Mas as pessoas que não recebem esta bênção dos céus não estão fadadas eternamente à desorganização. Contratar os serviços de uma personal organizar é só uma das possibilidades disponíveis para quem tem desejo de mudar. Há quem prefira buscar apoio em um livro, ou em um curso… Desculpa, não há!

É fácil reconhecer quem enveredou por esse caminho. Quem se organiza, diminui a ansiedade que ver tudo “de pernas para o ar” causa. Quem se organiza, “cria” mais horas, minutos, segundos; vê o dia render. Quem se organiza, não trabalha além do necessário. Quem se organiza leva a vida de maneira leve e descontraída.

Não tenha medo! Ao cumprir suas tarefas no horário, ter à mão o que precisa, pagar suas contas em dia, você se surpreenderá com uma sensação de bem-estar que procurava há tempos, mas não encontrava escorado em velhos argumentos, como “eu me acho na minha bagunça”.

Efeito financeiro de dar um chega pra lá na bagunça

Revista Move 04nov15

Comentários

comentários

Uma matéria no Jornal O Globo sobre a importância do Personal Organizer

Estamos chegando no momento em qua as pessoas estão começando a entender que se organizar é importante para manter o mente e o bolso sãos. Não um tipo de organização tirana, onde se determina lugares corretos, regras e todos são obrigados a cumprir, e sim um comportamento consciente e em parceria com todos da casa ou do trabalho onde a finalidade é harmonizar e driblar a crise, sim, uma vida organizada é mantida sob controle,  em um momentos de crise o controle pode mudar o estado de tensão para um olhar de oportunidade.

Essa matéria  Mania de Organização publicada na Revista O Globo de Domingo, fala sobre isso, livros e profissionais atuando na organização como forma de controle da própria vida.

Leia a matéria na integra, que aliás fazemos parte.

revista1-001

revista2-001
revista3-001

Comentários

comentários

Dica de produto –> Organizador de formas

Olha só que produto legal! Um organizador de formas (que na verdade serve para organizar as formas de bolo, tábuas de corte, travessas de vidro, etc…). São produtos que normalmente temos muita dificuldade de organizar na cozinha, pois se forem empilhados podem quebrar, lascar e ainda ficam difíceis de acessar.

Você pode utilizar ele deitado ou em pé, conforme as fotos abaixo:

frigideira organizada

travessa de vidro org

Comentários

comentários

Como aproveitar uma mudança para livrar sua casa (e sua vida) do que é inútil

A hora da mudança é a melhor para entendermos o que realmente é necessário ou não para a vida. Toda vez que organizamos a mudança de uma família, ficamos impressionados com o tanto de coisas desnecessárias que as pessoas guardam e não percebem. E, pior, se acostumam com o que não precisam.

É interessante como, em uma mudança, esses objetos saltam aos olhos, levando as pessoas a se perguntarem: por que guardei isso por tanto tempo? E então percebem quanto espaço e tempo perdido gastamos com o desnecessário, logo transformados em caixas e caixas de doação, sacos e sacos de lixo.

Uma mudança – seja de casa, de escritório – é um excelente momento para se abrir mão do que não é utilizado por você, mas pode ser muito importante para outra pessoa. Essa limpeza acontece invariavelmente e faz um bem…

Deveríamos sempre fazer essa avaliação do que realmente é usado, é necessário. É muito mais fácil manter a casa o
rganizada quando temos apenas o que é útil. Lógico, o que agrada aos olhos, como quadros, objetos de decoração, também é útil, não nos entendam mal. Mas estamos falando do que não tem nenhuma função – nem estética. Você vai perder a conta, a não ser que tenha mudado agora.

Que tal um exercício? Pare um minuto e observe o que você realmente precisa, só no ambiente em que está nesse momento. Depois vá ampliando para outros cômodos, e, por último, vá além, pensando nos hábitos que são necessários e são bons para sua vida. Descarte ou doe o que não tem função. Você ficará bem mais leve. Experimente 😉

mudança

*Revista Move 15/10/15

Comentários

comentários

Matéria sobre empreendedorismo: Seja Personal Organizer na Revista Meu Próprio Negócio

Olha que legal gente! Saiu uma matéria sobre a nossa empresa de 3 páginas na Revista Meu Próprio Negócio.

Colocamos as fotos aqui embaixo pra vocês lerem um pouquinho…confere aí!!

IMG_4056

IMG_4052

IMG_4053

IMG_4054

IMG_4055

Comentários

comentários

Vídeo: Ser Desorganizado é um Péssimo Negócio na Crise (vire o jogo)

ExecutivoHorizonte_130197125A organização começa pela sua mente, passa pela sua mesa de trabalho, pela gestão de equipes e das finanças, entre outras coisas.

Ainda mais no meio de uma crise como a que o Brasil vive hoje, saber exatamente quanto e como se gasta é questão de sobrevivência. Com a vida organizada, o bolso não sofre e você tem mais condições de pensar soluções para driblar o momento difícil.

Isso vale para a sua casa e para a sua empresa.

O post desta semana é um comentário sobre essas questões. E muito mais. Confira: Clique na foto abaixo e assista!

Video

 

Comentários

comentários

Dica de produto –> Moffim (o fim do mofo)

Até pouco tempo atrás nós não indicávamos nenhum produto anti-mofo, porque quando a pessoa tem muito mofo mesmo o ideal é um desumidificador elétrico.

Sempre que a gente chegava em um cliente e via ele gastando rios de dinheiro com aqueles anti-mofo que juntam água no fundo do potinho, pensávamos: “Ai, ai, ai…vai dar problema!”. Já chegamos em muitas casas onde aquele tipo de anti-mofo juntava água demais (porque afinal a pessoa esquece que ele está ali dentro) e eles viraram dentro do armário com aquela “gosminha”que forma no pote de plástico. Bom…normalmente não era a melhor opção. Como não conhecíamos outra que funcionasse, não indicávamos.

Eis que surge no mercado o Moffim. Um belo dia a gente recebeu o telefonema deles, falando sobre um novo anti-mofo que estava surgindo no mercado. Logo pensei: “Ah tá, lá vem outro produto que junta água e tal…”.

Mas, é claro que fomos conhecer de perto e testar, e não é que é maravilhoso?!! O Moffim não junta água, ele é feito de um produto que tira o mofo do armário e vem dentro de um saquinho de TNT, então ele pode ser colocado no armário de roupas, no meio dos documentos, na ração do cachorro, na despensa…enfim, em todos os lugares. Ele não junta água e quando estiver na hora de trocar (que vai variar de acordo com a umidade do ambiente) ele fica duro igual uma pedra. Ele vem até com um ganchinho pra você pendurar no meio das roupas de cabideiro.

moffim

 

Dá uma olhadinha nessas fotos que já encontramos do Moffim sendo utilizado em vários ambientes:

  • Para organizar sapatos...
    Para organizar sapatos…
  • Com ganchinho para pendurar no cabideiro
    Com ganchinho para pendurar no cabideiro
  • Para organizar caixas fechadas, seja com o que for.
    Para organizar caixas fechadas, seja com o que for.
  • Para guardar aquelas roupas de frio e evitar o mofo.
    Para guardar aquelas roupas de frio e evitar o mofo.

Comentários

comentários

Dica do dia –> Organizadores de R$ 1,99

Bom, pelo título vocês já devem imaginar né: vim indicar alguns organizadores que você encontra naquelas lojinhas classificadas como “Lojinha de R$ 1,99”. É claro que a gente sabe que a maioria dos ítens ja não custa mais só R$ 1,99, mas você ainda encontra coisas bem baratinhas, ainda mais se colocar a criatividade pra trabalhar.

Então vamos aos ítens que são indispensáveis numa casa ou que você pode adaptar (todos esses eu encontrei em uma lojinha desse podem ser encontrados em lojinhas desse tipo):

  1. Ítens para Cozinha:

  • Rodinho de pia: indispensável!
    Rodinho de pia: indispensável!
  • Cestinha plástica para organizar a cozinha
    Cestinha plástica para organizar a cozinha
  • Ganchinhos para prender as canecas
    Ganchinhos para prender as canecas

 

      2.  Despensa

  • Cestinha de plástico: na despensa elas são maravilhosas para setorizar sua despensa
    Cestinha de plástico: na despensa elas são maravilhosas para setorizar sua despensa
  • Pote de pressão: ótimo para armazenar mantimentos
    Pote de pressão: ótimo para armazenar mantimentos
  • Cestinhas com alça
    Cestinhas com alça

       3.  Lavanderia

  • Saco para lavar roupas delicadas
    Saco para lavar roupas delicadas
  • Mini varal para roupas íntimas
    Mini varal para roupas íntimas
  • Escovas diversas para limpeza
    Escovas diversas para limpeza
  • Borrifador para produto de limpeza
    Borrifador para produto de limpeza

      4. Armário de roupas

  • Cabides baratos e funcionais!
    Cabides baratos e funcionais!
  • Organizador de calcinhas
    Organizador de calcinhas
  • Cestinhas para setorizar tudo que você possa imaginar no armário!
    Cestinhas para setorizar tudo que você possa imaginar no armário!
  • Porta talheres de plástico: sendo utilizados para organizar bijuterias
    Porta talheres de plástico: sendo utilizados para organizar bijuterias

 

Comentários

comentários